Boteclando

Topo
Boteclando

Boteclando

Onde botecar pelos 465 anos de São Paulo, nos cinco cantos da cidade

Miguel Icassatti

2024-01-20T19:20:50

24/01/2019 20h50

Balcão do Elidio Bar: patrimônio paulistano / Foto: Facebook Elidio Bar

Já que o aniversário de São Paulo acabou por cair em uma sexta-feira, emendando um feriadão, muitos bares espalhados por todas as regiões da cidade prepararam algo especial em comemoração aos 465 anos da cidade ao longo do fim de semana. Na região central, por exemplo, a Rota do Acarajé, em Santa Cecília, baixou o preço do mini-acarajé para R$ 6,50 nesta sexta. Quem pedir três copos da chope Paulistânia paga o mesmo valor, R$ 6,50, por cada um deles. E há um desconto especial de R$ 25,00 em cada garrafa de cachaça à venda no empório anexo ao bar, que tem 1.019 rótulos, na que é, certamente, a maior carta da cidade.

Por falar em Paulistânia, a cervejaria vai organizar uma festa para comemorar o 10º aniversário, na sede da empresa, em Jurubatuba, zona Sul. Das 11h às 18h30, bandas de rock vão se apresentar ao vivo enquanto o público poderá ver uma exposição de carros antigos e acompanhar o lançamento de mais um rótulo da marca, que homenageia pontos tradicionais da cidade em suas cervejas, como é o caso da Viaduto do Chá e da Largo do Café, uma stout.

Até domingo, o bar Capitão Barley, na Pompeia, promove um festival de chopes paulistas, com 15 marcas produzidas no estado, engatadas em suas torneiras. E para contrapor, por assim dizer, à tradição do bolo de aniversário montado nas ruas do Bexiga, o bar organiza o concurso Marujo Faminto no sábado, 26. É o seguinte: a partir do meio-dia estão abertas as inscrições para o concurso Marujo Faminto. Quem comer mais pasteis de queijo em 10 minutos, ganha um vale de 150 reais para consumir no bar.

Com sede no bairro do Limão, a Cervejaria Tarantino organiza o Festival das Cervejarias Artesanais Paulistanas. Na sexta (25) e no sábado (26), dez produtores de cerveja sediados na cidade vão vender seus rótulos na sede da cervejaria, com preços entre 10 e 25 reais o copo de 300 mililitros. Entre as cervejarias artesanais convidadas estão a Vortex (da Chácara Santo Antonio), a Avós (da Vila Ipojuca) e a Cervejaria Nacional (de Pinheiros). Na sexta, a balada é animada pelo bloco de carnaval Urubó e no sábdo, DJs e duas bandas de rock comandam o projeto Tarantino Sounds. Para quem quiser comer algo, estarão presentes food trucks como o Benzina (hambúrguer), o Carburadores (assados) além de um posto avançado do FrangÓ, com sua fantástica coxinha.

E na zona Leste, só para não dizer que não falamos dela, o Elídio Bar, na Mooca, não preparou nada de especial para o aniversário de São Paulo. Mas quem precisa de algum motivo especial para encostar no maior balcão de petiscos da cidade (R$ 98,00) e pedir um chope (R$ 9,00)?

Parabens, São Paulo!

Vai lá:

Capitão Barley. Rua Cotoxó, 516, Pompeia.

Cervejaria Paulistânia. Avenida Engenheiro Eusébio Stevaux, 1469, Jurubatuba.

Cervejaria Tarantino. Rua Miguel Nelson Bechara, 316, Bairro do Limão.

Elídio Bar. Rua Isabel Dias, 57, Mooca.

Rota do Acarajé. Rua Martim Francisco, 529, Santa Cecília.

Sobre o autor

Miguel Icassatti é jornalista e curador da Sociedade Paulista de Cultura de Boteco. Foi crítico de bares das revistas “Playboy” (1998-2000) e “Veja São Paulo” (2000), editor-assistente e um dos fundadores do “Paladar/jornal O Estado de S. Paulo” (2004 a 2007), editor dos guias “Veja Comer & Beber” em 18 regiões brasileiras (2007 a 2010), editor-chefe do Projeto Abril na Copa (Placar) e da revista “Men’s Health Brasil” (2011 a 2014). É colunista de “Cultura de Boteco” da rádio BandNews FM e correspondente no Brasil da “Revista de Vinhos” (Portugal).

Sobre o blog

Os petiscos, as bebidas, os balcões encardidos, as pessoas e tudo que envolve a cultura de boteco e outras histórias de bar.