Boteclando

Topo
Boteclando

Boteclando

Dante e Astor, NY e SP

Miguel Icassatti

13/06/2019 19h13

Negroni do Dante NYC: neste fim de semana, no Astor / Foto: dante-nyc.com

Está lá, na capa do site do Dante, um dos grandes bares nova-iorquinos: de 15 a 18 de junho, a casa apresenta sua primeira versão pop-up "in one of our all time favorite cities, São Paulo". Nesses quatro dias, está previsto o desembarque do barman Naren Young no balcão do Astor.

Considerado o melhor bar de Nova York em 2018 pela revista Time Out e o 9º melhor bar do mundo na lista World's 50 Best Bar, o Dante NYC tem mais de um século de história. Foi aberto no Village, em 1915, como Caffé Dante, e funcionou também como trattoria, aberto todos os dias e durante o dia.

É historicamente conhecido pela coquetelaria, em especial graças às versões do Negroni, e vem recebendo boas resenhas desde que o ponto da McDougal Street foi reformado, em 2014 – aliás, está prometida até uma mudança cenográfica do ambiente do Astor, durante os quatro dias em que a casa paulistana recebe os gringos.

Da lista de drinques apresentadas no Astor, constam onze receitas, entre as quais quatro de Negroni – o chope Sbagliato, por exemplo, mistura a cerveja Wäls 42 com gim, vermute tinto, Campari e laranja; 30 reais a dose – e uma versão do Gibson, que é assim um Dry Martini com cebola em conserva, em vez de azeitona. Trata-se do Upside Down Dirty Gibson, feito com vermutes seco e branco, gim, cebola em conserva e bitter com absinto (34 reais).

Vou lá pedir o meu, stirred not shaken.

Vai lá:

Dante no Astor. Rua Delfina, 163, Vila Madalena.

Quando: sábado (15), segunda (17) e terça (18), 18h/22h; domingo (16), 12h/16h.

 

Sobre o autor

Miguel Icassatti é jornalista e curador da Sociedade Paulista de Cultura de Boteco. Foi crítico de bares das revistas “Playboy” (1998-2000) e “Veja São Paulo” (2000), editor-assistente e um dos fundadores do “Paladar/jornal O Estado de S. Paulo” (2004 a 2007), editor dos guias “Veja Comer & Beber” em 18 regiões brasileiras (2007 a 2010), editor-chefe do Projeto Abril na Copa (Placar) e da revista “Men’s Health Brasil” (2011 a 2014). É colunista de “Cultura de Boteco” da rádio BandNews FM e correspondente no Brasil da “Revista de Vinhos” (Portugal).

Sobre o blog

Os petiscos, as bebidas, os balcões encardidos, as pessoas e tudo que envolve a cultura de boteco e outras histórias de bar.